segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

O que acontece com muitas crianças com TDAH na escola

Tenho uma cça tdah, leio td a respeito, tendo ajuda-la ao máximo ,mas os professores não conseguem ter paciencia, sexta-feira passada porque ela riu na sala ,ela foi posta para fora, a diretora pediu p/ q. Ela ficasse no tablado depois falaria c/ ela, passou uma aula, o recreio,outra aula, foi qdo uma inspetora então pediu p/ ela procurar a direção pois a mesma devia ter se esquecido dela...Ela fez isso foi autorizada a voltar para a aula mas ficou sem lanchar...Qdo entrou na sala recebeu uma vaia geral,e a prof.Q. Ministrava aula naquele momento disse q. Foi hunaneme a decisão dos prof. Qualquer vacilo ela será posta p/ fora da sala. Ela não assiste mais aula, ninguem se incomoda, quais os direitos dela? Ela toma antidepressivo e ritalina,faz tratamento c/tds profissionais envolvidos na área,psicologo,psiquiatra,psicopedagogo,neurologista,e ela é hiperativa mas inteligente, e não faz maldade a ninguem só fala muito e muito alto.

Estou desenvolvendo um projeto contra o bullying q. é o q. Acaba com td começa pelos professores despreparados...Por favor me ajudem...Ela não estuda mais ,não assiste mais aula...Sempre td é motivo para ser impedida.

3 comentários:

ELISA DREADS LOOKS disse...

eu tb passei por isto td de meu filho ficar fora de sala assinar varias ocorrencias por ser assim agora ele esta sendo tratado com ritalina e com profissionais bons mais ainda sofro pois nao sei o que acontecera daqui p frente ele ainda nao esta alfabetizado a tem problemas na fala e com certeza as escolas nao estao preparadas para portadores de tdah com deficit de atençao e acho q para nenhum tipo de deficiencia isto é muit triste mas espero que meu filho e todas as crianças que sofrem deste transtorno consigam superar todas as etapas com garra!! *-*

Anônimo disse...

Continuem, então, a defender a inclusão EXCLUDENTE. É IMPOSSÍVEL, matematicamente... Basta saber SOMAR! Vamos lá: em CADA colégio, vamos colocar: um neurologista; um psicólogo, um psiquiatra, um psicanalista e um pedagago... Só p/ começar... P q na realidade, deveríamos colocar UM ESPECIALISTA EM CADA ÁREA: DEPRESSÃO, ESQUIZOFRENIA, DISTÚRBIOS DE ANSIEDADE (Fobias, Perturbação de Pânico, Perturbação Obsessivo-Compulsiva etc.), HIPERATIVIDADE, DISTÚRBIOS ALIMENTARES...
Não podemos nos esquecer... Que os professores JÁ ACUMULAM AS FUNÇÕES DE: animadores, inspetores, fiscais, pedagogos, psicólogos, enfermeiros, médicos e neurologistas, agentes do DEGASE (é, eles recebem toda sorte de bandidos nos colégios, ñ sabia?)... Só a velha demagogia feminina, mesmo. DESPREPARADO é seu CÉREBRO, minha senhora! Entra numa sala de aula, HOJE. Caiu no conto da inclusão? Os professores AVISARAM!! Agora AGUENTE!!

Dom Octaviano Cavaleiro da Verdade disse...

Legal, o direito de ser desobediente. Continuem assim e logo virá o Anticristo. Antigamente criança desobediente tomava uma surra e ninguém morria por isso, agora precisa de "psicólogo".